Isenção taxa de inscrição Enem 2018

Veja passo a passo quais são os pré-requisitos e como solicitar a isenção taxa de inscrição Enem 2018.

Quem vai fazer o Enem 2018 e pretende solicitar isenção da taxa de inscrição, deve ficar atento a este post. É que na edição de 2017, o Ministério da Educação (MEC) anunciou algumas mudanças, dentre elas, o aumento da taxa de inscrição e novas regras para a concessão de isenção da mesma.

Essas alterações causaram impacto, já que muitos candidatos possuem baixa renda e não possuem condições de arcar com os custos da inscrição. Se você faz parte desse grupo, veja o que mudou e quais os requisitos para garantir esse direito. Confira!

Valor da taxa de inscrição

Nos últimos anos, a taxa de inscrição do Enem vem aumentando. No entanto, em 2017 ela alcançou um valor que assustou muitos candidatos.

Em 2017 os candidatos tiveram que reembolsar R$ 82 de taxa de inscrição. Com um aumento de 20,5% em relação ao que foi cobrado em 2016, a edição passada levou muitas pessoas a recorrer à isenção para não ficar de fora do teste.

Outra mudança que surpreendeu os participantes foi o período de realização da provas. Ele foi aplicado em dois dias, ficando distribuídos da seguinte forma:

Isenção taxa de inscrição Enem 2018

Os participantes que não podem pagar, devem fazer a Declaração de Carência Socioeconômica, disponível no Sistema de Inscrição. Caso ela não seja concedida, o candidato deverá efetuar o pagamento da taxa.

Pré-requisitos

Para ter direito a solicitar a isenção taxa de inscrição Enem 2018, alguns o participante deverá atender alguns pré-requisitos. Veja quais são eles:

  • Estar concluindo o ensino médio em escola da rede pública de ensino;
  • Ser membro de família cadastrada no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico);
  • Ser membro de família com renda por pessoa igual ou menor que 1 salário e meio;
  • Ter cursado todo o ensino médio em escola pública ou em escola particular com bolsa integral.

Como você pode ver, ao contrário do que acontecia nas edições anteriores, não basta apenas se declarar carente para obter liberação do pagamento.

É preciso comprovar a situação socioeconômica no ato da inscrição informando o número Número de Identificação Pessoal (NIS), que após cruzar as informações com o CadÚnico, poderá ou não conceder a isenção.

Passo a passo para solicitar a isenção

No final da solicitação de inscrição, clique em “solicitar isenção de taxa”. Na tela, você encontrará duas opções: isenção pelo Decreto do CadÚnico e isenção pela Lei 12.799.

Vale ressaltar que os alunos que se enquadram nesta lei são os que estudaram em escola pública ou em escola privada com bolsa integral. Além disso, fazem parte de grupo familiar com renda de até 1,5 salário mínimo por pessoa.

Em seguida, o sistema irá cruzar os dados informados pelo participantes que se solicitaram a isenção por meio da Lei 12.799. Se eles se encaixarem na exigência legal, o direito será concedido.

Os participantes que solicitarem via CadÚnico devem informar o NIS ou declararem que estão inscritos no Programa, mas não possuem o Número de Identificação. Após a conclusão da inscrição, o sistema poderá deferir ou indeferir o pedido.

Como você pode observar, o pedido de isenção taxa de inscrição Enem 2018 não é nenhum bicho de sete cabeças. Desde que suas informações sejam verdadeiras, basta seguir as dicas que apresentamos.

Para mais informações sobre o Enem 2017, curta nossa página no Facebook ou acompanhe nosso perfil no Twitter: @focoenem

 

Deixe um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × três =