Vírgula na Redação do Enem – 5 Dicas para nunca mais errar

Quer aprender usar vírgula na Redação do Enem? Veja este texto!

Para conseguir a nota mais alta na Redação do Enem não basta apenas estar atualizado e mandar bem na estrutura do texto dissertativo. É preciso arrasar na gramática, principalmente na colocação correta da vírgula, que é um assunto que deixa diversos estudantes de cabelos em pé.

Para ajudá-los a acertar de uma vez por todas a colocação da vírgula na Redação do Enem, preparamos este post. Nele você vai conhecer 5 situações em que as vírgulas são utilizadas e não vai mais se confundir. Confira!

Importância do uso da vírgula na Redação do Enem

Vírgula na Redação do Enem

Que a colocação da vírgula é um assunto complicado, todo mundo sabe. Mas, isso tem um motivo. É que seu uso incorreto pode mudar completamente o sentido do texto. Se a vírgula estiver no local errado, ou estiver ausente, as frases assumem outro significado e sua redação pode vir a fugir do tema.

Percebeu como é importante saber onde a vírgula deve aparecer? Para que sua redação não corra o risco de ser anulada por falta de coerência, o melhor é estudar e aprender definitivamente onde a vírgula deve aparecer.

Dicas para não errar na hora da fazer sua redação

Agora que você sabe o risco que é não saber colocar a vírgula na Redação do Enem, veja em quais situações utilizá-la.

1. Use antes do Gerúndio

A vírgula aparece antes de verbos no gerúndio. Se você não sabe do que se trata, são aqueles terminados em -ando, -endo e -indo. Por exemplo: andando, falando, comendo, dormindo.

Mas, é importante saber que isso só acontece quando o gerúndio introduz uma oração reduzida que equivale a uma coordenada aditiva. Você usa a vírgula + gerúndio em vez de utilizar o e + o verbo no tempo apropriado.

Com gerúndio e vírgula antes: “O plano veio para estabilizar a economia, acabando com a inflação.”

Sem gerúndio, sem vírgula: “O plano veio para estabilizar a economia e acabar com a inflação.

2. Para separar elementos que poderiam ser listados

Em uma frase em que poderiam ser listados nomes, utiliza-se vírgulas, como no exemplo abaixo:

Passaram no Enem:

  • Aline
  • Maria
  • Vanessa
  • João
  • Pedro

Se colocados em uma frase, usamos a vírgula para separá-los. Ex: Aline, Maria, Vanessa, João e Pedro passaram no Enem. Atente-se que, neste caso, não há vírgula antes do “e”.

3. Antes de conectivos

Conectivos têm a função de ligar duas informações em uma frase. Quando falamos de orações subordinadas, por exemplo, sabemos que elas não possuem sentido sozinhas.  Então, utilizamos conectivos para ligá-las e a vírgula aparece antes deles.

Exemplo: “Ele estudou apenas antes da prova achando que ia passar, embora não tenha sido assim”.

Embora é o conectivo que liga as duas orações.

4. Para separar explicações que estão no meio da frase

Observe a frase: “Eu e você, que somos amigos, não devemos brigar”.

Como você pode notar, a vírgula aparece separando a explicação “que somos amigos”. Houve uma interrupção na frase, uma mudança de pensamento, que deve ser separada por vírgula. Veja outro exemplo: “Pedro, que traz o leite, não veio hoje”.

5. Para separar orações independentes

Ao contrário das orações subordinadas, que não têm sentido sozinhas, as orações independentes fazem sentido mesmo estando fora do texto. Elas são separadas sempre por vírgula. Um bom exemplo são as orações coordenadas assindéticas, como você pode ver nos exemplos abaixo:

Exemplo 1: Acendeu um cigarro, cruzou as pernas, estalou as unhas, demorou o olhar em Mana Maria. (A. de Alcântara Machado)

Exemplo 2: Eu gosto muito de pizza, porém não posso comer para não engordar.

Dica Bônus: Sujeito e verbo

Para finalizar, uma super dica para o uso da vírgula na Redação do Enem. Trata-se de uma regra de ouro: a vírgula jamais vai separar o sujeito do verbo.

Talvez você ache difícil descobrir o sujeito da oração e isso é importantíssimo para fazer a colocação correta da vírgula. Então, a dica é encontrar o verbo. Assim, fica mais fácil pontuar de forma correta.

Encontrando o verbo da oração ― que é quem faz a ação ― basta perguntar-se quem é o sujeito que pratica.

Gostou das nossas dicas para usar a vírgula na Redação do Enem? Agora é hora de praticar bastante! Faça exercícios e prepare-se com antecedência. Assim, você sai na frente da concorrência.

Comente